• Gabriela Bittencourt

Primeiro frio de julho chega nos próximos dias

Após dias sob a influência de um bloqueio atmosférico, o veranico que vem ocorrendo desde o fim do mês de Junho até os primeiros dias de Julho está prestes a acabar, pelo menos em parte do centro-sul do país.


ECMWF
Modelo ECMWF com temperatura à 2 metros. Rodada iniciada dia 07/07/2022 à 00 UTC, válida até dia 13/07/2022 às 00 UTC.

Um novo sistema frontal vai influenciar a região Sul do Brasil, MS e SP. O transporte de calor e umidade da Amazônia, conhecido como Jato de Baixos Níveis, ajudou a intensificar essa sensação de calor nos últimos dias. Após consecutivos dias com temperaturas acima da média para o inverno, esse veranico dentro do inverno está com os dias contados, pelo menos por enquanto.



Esse novo sistema frontal que está se formando pelo noroeste da Argentina vai avançar para as regiões centrais e noroeste do RS, e divisa com SC. Esse sistema frontal, já está avançando pelo oeste gaúcho e deve trazer muita chuva para a sexta-feira (08), nessas regiões.


Modelo GFS
Gif animado do modelo GFS para taxa de precipitação (mm/hora), pressão a nível médio do mar (hPa) e espessura da camada entre 1000-500 hPa (linhas pontilhadas em vermelho). Rodada iniciada às 12 UTC do dia 07/07/2022 válida até dia 14/07/2022 às 00 UTC.

A sexta-feira (08) deve ser de muita instabilidade em parte do RS devido ao avanço desse sistema frontal, com chance para temporais em pontos isolados do centro e noroeste do RS. Esse sistema frontal deve escoar para o oceano e, ao longo do fim de semana, haverá a formação de um novo sistema de baixa pressão deixando o tempo instável durante todo o fim de semana no sul do Brasil.



As instabilidades já começaram a avançar pelo oeste do RS na tarde desta quinta-feira (07) e devem seguir para regiões centrais durante a tarde e noite desta quinta. As figuras abaixo mostram a imagem de satélite (esquerda), no canal do infravermelho termal apresenta em tons de vermelho e laranja o topo das nuvens, quanto mais frias as cores maior é essa nuvem.



Em paralelo, as imagens de radar (REDEMET) mostram o avanço dessas instabilidades, onde se observa precipitações já ocorrendo na região de fronteira com o Uruguai. Durante a noite e madrugada essas instabilidades avançam pelo restante do estado.


Mas e o frio?


Com o avanço desse sistema frontal para as outras regiões do Sul, como SC e PR, e para o Sudeste, um sistema de alta pressão vai avançar trazendo uma massa de ar polar para essas regiões. De acordo com os modelos numéricos o frio deve voltar, mas ainda de forma tímida. Não se espera que essa nova massa de ar polar seja tão intensa quanto as que já foram registradas.


Modelo GFS
Gif animado com temperatura à 2 metros. Rodada iniciada à 12 UTC do dia 07/07/2022 válida até dia 17/07/2022 às 00 UTC.

A partir da próxima segunda-feira (11), os modelos indicam que as mínimas devem ficar em torno de 5 - 7 ºC em boa parte do RS, e as máximas não devem passar dos 15 ºC. Regiões serranas as máximas não passam dos 12 ºC, e a sensação de frio deve ser maior nesses pontos devido ao vento de Sul.