• Paulo Vitor

Teremos um eclipse solar no Brasil em 2023

Um raro eclipse anular poderá ser observado em partes do Norte e Nordeste do Brasil em 14 de outubro de 2023 com sua magnitude total.


eclipse anular brasil 2023
Os moradores de áreas das regiões Norte de Nordeste poderão desfrutar de imagens como essa em 2023 durante o eclipse.

É comum que as pessoas observem o céu e se encantem com alguns fenômenos, sejam eles relâmpagos, nuvens, chuva, granizo, um dia ensolarado, um pôr do sol ou um eclipse. Durante a ocorrência desses fenômenos, as pessoas costumam fazer registros e apreciar. Em 2023, amantes, curiosos ou estudiosos tem um grande evento para apreciar: o eclipse anular do sol.



Um eclipse solar anular ocorre quando existe um alinhamento entre sol, terra e lua, fazendo com que a lua bloquei parte da luz emitida pelo sol antes de chegar em nosso planeta. E anular porque o diâmetro angular da Lua é menor que o diâmetro do Sol e assim a Lua apenas consegue cobrir a parte central do sol, o que gera um "anel" brilhante no céu.


eclipse solar anular
Registro do eclipse anular em 1992

Esse eclipse deverá ser visto em todo território brasileiro no dia 14 de outubro. Mas, os moradores de áreas do Norte e Nordeste serão os beneficiados com o eclipse com sua total magnitude, no qual imagens como a observada acima poderão ser observadas em áreas de praias, sertão e floresta Amazônica. Natal e João Pessoa deverão ser as únicas capitais que irão observar o eclipse total. Outras cidades como Araguaína, Campina Grande, Juazeiro do Norte, Parauapebas e São Félix do Xingú são outras cidades importantes na rota do eclipse com sua magnitude máxima.



Em Natal, o eclipse se inicia às 15:29 e às 16:45 ocorrerá a maior magnitude do eclipse. A anularidade máxima durará 3 minutos. Em João Pessoa, o eclipse começa às 15:31 e também às 16:45 será observado a magnitude máxima do eclipse. A anularidade máxima também durará 3 minutos. A anularidade máxima significa o momento em que melhor será observado o "anel" vermelho.


eclipse norte nordeste 2023
A área circular cinza indica os locais que observarão o eclipse em 2023. Já o pequeno círculo marrom indicam os locais que irão observar o eclipse com a magnitude máxima. Fonte: NASA.

As outras áreas do país também poderão observar o eclipse, mas, não com a mesma beleza que nas regiões Norte e Nordeste. Quanto mais distante da área central, menor a magnitude do eclipse. De maneira geral, a região Sul será a menos favorecida para a observação do eclipse. Em praticamente toda a região Norte e Nordeste o eclipse será visto com boa intensidade.


eclipse anular 2023
A "linha" em tom de roxo indica os locais que verão o eclipse em sua maior intensidade. Observe que, na medida em que se afasta desses locais, a intensidade diminui.

Porém, uma eventual chuva ou nebulosidade pode estragar a observação do eclipse. No Norte, normalmente o mês de outubro é marcado pelo aumento das chuvas e consequentemente nebulosidade. Pelo horário vespertino, a convecção na Amazônia já estará bem ativa.


Então, existe a possibilidade de as chuvas atrapalharem a observação. Já no Nordeste, outubro é um mês seco e quente em quase toda a região, o que pode ser um fator positivo para observação do eclipse. Porém, isso se trata de climatologia, ou seja, o que normalmente se espera, não o que irá ocorrer. Portanto, fique atento aos boletins do tempo próximos ao eclipse.