• Tempo e Clima Brasil

Previsão do acumulado de chuva da semana – 12/12 até 19/12

Muita chuva atingiu o sul da Bahia e norte de Minas Gerais e do Espírito Santo nas últimas 2 semanas. Essas chuvas têm gerado muitos transtornos e algumas cidades já declararam situação de emergência. A boa notícia é que as chuvas devem diminuir consideravelmente ao longo dessa semana nessa região e migrar em direção ao centro-sul do País.

previsão de chuvas no brasil
Previsão do acumulado total de precipitação para os próximos 7 dias. Modelo GFS iniciado às 0000 UTC de 12/12/2021.

O verão é um período chuvoso pra grande parte do Brasil. Existem algumas exceções, como por exemplo o leste do nordeste que a quadra chuvosa se iniciando somente em maio. No geral, muitos sistemas provocam chuva neste período do ano.



Nas últimas duas semanas, as chuvas não tem dado trégua no centro-norte do Brasil, principalmente no extremo sul da Bahia e nos arredores. Pra essa semana o cenário deve mudar. As chuvas devem se deslocar para o centro-sul do Brasil.

Entre segunda e terça feira, a Alta da Bolívia deve se posicionar sobre o centro-oeste do Brasil. O sistema deve somar a energia termodinâmica e a um cavado na média troposfera e modular as chuvas sobre a região Norte, e os estados de Goiás, Mato Grosso e de Minas Gerais.


Não se descarta episódios de Chuvas isoladas no sul da Bahia, norte e nordeste de São Paulo e oeste do Rio de Janeiro. Enquanto isso, uma baixa pressão no norte da Argentina deverá ser alimentada pelos Jatos de Baixos Níveis. O sistema vai favorecer a formação de temporais que irão se deslocar em direção ao Rio Grande do Sul e ao Mato Grosso do Sul.



Entre quarta e quinta-feira, um cavado deve se posicionar entre o Paraná e o estado de São Paulo enquanto a Alta da Bolívia continua modulando as chuvas no norte e centro-oeste do Brasil. Episódios de chuva isolada podem ocorrer no centro-sul de Minas Gerais e no Rio de Janeiro.



Entre a próxima sexta-feira e o sábado, a Alta da Bolívia deve se intensificar, assim como o movimento vertical na média troposfera sobre o centro-oeste do país. Isso deve manter as chuvas ativas e concentradas nessa região. Sobre o sul e parte do sudeste, uma alta pressão nos baixos níveis deve inibir a formação de nuvens de chuva.


Nordeste


O acumulado de chuva da semana na região nordeste deve diminuir em relação as semanas anteriores a medida que as chuvas se deslocam para o centro-sul do país.

previsão do acumulado de chuva
Previsão do modelo GFS para o acumulado de precipitação nos próximos 7 dias.

Os maiores acumulados são esperados para o estado do Maranhão com valores entre 70 e 120mm . O litoral leste, pode receber chuviscos ao longo dos próximos dias decorrente do sistema de brisas marítimas.


Sudeste


No sudeste o país, as chuvas devem retornar ao estado de São Paulo e ao sul de Minas Gerais esta semana.

Previsão do modelo GFS para o acumulado de precipitação nos próximos 7 dias.

Grandes acumulados de chuva são esperados para o oeste de São Paulo e centro-oeste de Minas Gerais com valores de aproximadamente 130 mm. O Rio de Janeiro e o Espírito Santo devem apresentar chuvas menos regulares.



Sul


Na região sul, os eventos de precipitação da semana devem gerar acumulados de chuva moderados no leste dos estados.

Previsão do modelo GFS para o acumulado de precipitação nos próximos 7 dias.

No Rio Grande do Sul, há possibilidade de temporais isolados próximos da região de Porto Alegre ao longo da semana


Centro-Oeste


No Centro-Oeste a semana deve ser muito chuvosa. Grandes acumulados de chuva são esperados para o sul de Goiás com valores acima de 240mm em 7 dias.

Previsão do modelo GFS para o acumulado de precipitação nos próximos 7 dias.

No norte do Mato Grosso do Sul e no sul do Mato Grosso, também há expectativa de altos valores de chuva acumulada.


Norte


Na região norte, os maiores acumulados de chuva devem ocorrer no Pará com valores de aproximadamente 160 mm no centro do estado.

Previsão do modelo GFS para o acumulado de precipitação nos próximos 7 dias.

O Tocantins deve ter chuvas leves, porém regulares ao longo da semana. Isso deve ocorrer devido a presença da Alta da Bolívia sobre a região que atuará modulando a ocorrência dessas precipitações.