• Tempo e Clima Brasil

Terremoto no Peru é sentido no Brasil

Tremor tem relação com o terremoto de magnitude 5.7, que atingiu o oeste do Peru. Até o momento, não houve registro de acidentes ou pessoas feridas.


terremoto no peru e brasil
Abalo teve magnitude 5,7 e epicentro a 13,5 km de profundidade, considerada muito próxima da superfície.

Moradores de prédios da zona norte de Porto Velho relataram terem sentido um leve tremor, na noite de sábado (9), por volta das 20h30 (horário de Rondônia). O tremor tem relação com o terremoto de magnitude 5,7, que atingiu o oeste do Peru.



O fenômeno foi registrado próximo à fronteira com o Brasil e moradores do Acre também relataram terem sentido o tremor. Segundo um dos moradores, os residentes do prédio evacuaram o local, por medo de danos na estrutura.


"Durou um minuto mais ou menos. Os móveis bateram nas paredes e o prédio balançou muito", disse um morador.

Segundo a Polícia Militar (PM), vários pedidos de socorro e relatos referente ao tremor de terra foram relatados ao 190, mas, até o momento, não houve registro de acidentes ou pessoas feridas.



O epicentro do fenômeno foi registrado entre o Parque Nacional de Manú e o Parque Nacional Alto Purus. Apesar da intensidade e da pouca profundidade, os danos não foram extensos, já que a área é rodeada por mata.



Há exatamente uma semana, outro terremoto foi sentido na fronteira entre o Brasil e o Peru. Porém, a profundidade do epicentro era muito maior, o que minimizou e muito os possíveis impactos. Localizado no Círculo de Fogo do Pacífico, região global de alta atividade sísmica gerada pelo encontro de placas tectônicas, o Peru está habituado a tremores.



No entanto, o terremoto registrado na noite de sábado (9) teve o epicentro no oeste do país, na região amazônica. Isso é relativamente longe da área onde eles costumam ocorrer, ou seja, mais perto do oceano.