• Gabriela Bittencourt

Instabilidade e frio marcam os últimos dias de Maio no Sul

Atualizado: 27 de mai.

O tempo seco e frio da semana passada, com a passagem de uma intensa massa de ar polar que atingiu parte do Brasil, perdeu força e deu espaço para calor e umidade atuando novamente. Porém, esse cenário já está mudando.


Modelo europeu previsão de chuva
Previsão do modelo ECMWF para o total de precipitação acumulada em 120h (5 dias). Rodada das 00 UTC do dia 26/05/22 válida até as 00 UTC do dia 31/05/22.

A formação de um novo sistema frontal está trazendo muita instabilidade para a região Sul do Brasil. Regiões do oeste, centro e sul do RS podem ter grandes acumulados nos próximos quatro dias.



As instabilidades já estão influenciando parte do centro-sul do RS desde quarta-feira (25), e avançaram no decorrer da noite/madrugada para o restante do estado. Isso se explica pela presença de um sistema de baixa pressão no noroeste da Argentina que foi fortalecido pelo jato de baixos níveis, dá suporte a esse novo sistema através de um escoamento ar quente e úmido vindo da Amazônia.



Porém, antes da chuva, calorão! Os termômetros registraram temperaturas em torno dos 30ºC em cidades como Parobé (RS) que marcou 31,3ºC na tarde de quarta (25). A capital gaúcha marcou no termômetros quase 29ºC. Enquanto isso algumas regiões do oeste a instabilidade já estava atuando.


Imagem satélite.
Imagem satélite Windy, mostrando o canal do infravermelho realçado da tarde de ontem (25) com o avanço das instabilidades pela região sul do Brasil.

Em Quaraí, região da fronteira com o Uruguai, já acumulava mais de 45 mm de chuva no fim da tarde de quarta (25). As instabilidades vão ficar estacionadas na região sul do Brasil, até o Paraná, pelo menos até o próximo domingo (29), quando esse sistema deve se deslocar para o oceano. A frente fria deve avançar por SC e PR durante o fim de semana, onde não se descartam altos acumulados de chuva.


Modelo GFS
Modelo GFS com campos de anomalia de temperatura em 850 hPa (figura da esquerda), temperatura do ar à 2 metros (figura da direita). Rodada das 18 UTC do dia 25/05/22, válida até às 00 UTC do dia 31/05/22.

A partir de domingo (29), com o sistema frontal avançando para o oceano, uma nova massa de ar fria e seca avança pela região Sul, a última massa de ar polar do mês de Maio. Ela não deve ser tão intensa nem tão abrangente quanto a última que diminui a temperatura em grande parte do território brasileiro.



As menores temperaturas devem ser registradas nas regiões serranas, mas não há previsão de geada, nem neve. A nova massa de ar polar deve ficar mais confinada na região Sul do Brasil nos próximos dias, até pelo menos início do mês de Junho, de acordo com os modelos numéricos.